[PT] A Fundação Escola Bosque utiliza o Mapeo em Belém!

By 
Mar Cartró Sabaté
Category 
October 27, 2022

[📢 Esta é a primeira de uma série de publicações sobre os projetos Mapeo ao redor do mundo! Se você e sua comunidade estão usando Mapeo e gostariam de falar conosco, por favor, entre em contato - nós adoraríamos ouvir de você! Além disso, informe-nos se deseja que destaquemos seu projeto com uma postagem no blog, uma entrevista, um vídeo ou qualquer outro formulário. Teremos o maior prazer em compartilhar sua história.]

A Fundação Escola Bosque (FUNBOSQUE) é uma organização pública municipal que atua na área de educação ambiental na região do estuário do Rio Amazonas. Desde 2021, a FUNBOSQUE vem utilizando o Mapeo na região insular de Belém com membros da comunidade, alunos, professores e pesquisadores para aprender a coletar, organizar e processar seus dados, para gerar o conhecimento necessário para a tomada de decisões a fim de transformar a realidade de seu território.

Assista ao vídeo a seguir com o professor Dr. Jader Gama da FUNBOSQUE para saber mais sobre o assunto:

Você pode assistir ao vídeo em português com legendas em inglês ou espanhol, ou pode ler a entrevista transcrita abaixo:

“Eu sou professor da Fundação Escola Bosque, e a Fundação Escola Bosque, ela é uma organização pública municipal que atua na área de educação ambiental na região do estuário do Rio Amazonas, então é no Delta do Amazonas, onde o Rio Amazonas desemboca no Oceano Atlântico. 

Nós atuamos em sete unidades, em cinco Ilhas, e estamos fazendo um trabalho de letramento de dados com os nossos estudantes e toda comunidade das ilhas. E para nós fazermos esse trabalho de letramento de dados estamos trabalhando com uma ferramenta que é um software livre desenvolvido pela Digital Democracy chamado Mapeo.

E o Mapeo, ele tá sendo muito importante nesse processo de fazer essa desalienação técnica acerca dos dados com as pessoas que moram na região insular de Belém, e que abre a possibilidade dos comunitários, estudantes, professores e pesquisadores aprenderem a coletar os seus dados, a organizar esses dados, a armazenar, processar, e a partir dessa organização dessa informação gerar o conhecimento que é necessário para tomada de decisão com intuito de transformar a realidade do território para melhor. 

Então nesse momento nós estamos fazendo por exemplo o mapeamento dos poços, da onde as pessoas bebem água, nos estamos relacionando isso com dados de saúde e a partir da análise desses dados nós percebemos que essa água é uma água que está contaminada, e desta maneira nós estamos agora trabalhando na construção de filtros biológicos feitos a partir de carvão ativado feito com caroço de açaí após a retirada de sua polpa. 

Então os dados são de fundamental importância para que a cidadania se estabeleça de uma maneira plena. E eu agradeço a galera da Digital Democracy por estar colaborando nesse processo. O Luandro tem participado ativamente desse processo aqui na região da Foz do Rio Amazonas.

E a tendência agora é que a gente expanda esse processo, que a gente possa multiplicar para que mais pessoas possam coletar dados no território e utilizar esses dados a seu favor. 

Grande abraço é isso aí, obrigado.”

Professor Dr. Jader Gama, FUNBOSQUE

Para saber mais sobre o FUNBOSQUE, visite a página do Facebook: https://www.facebook.com/Funbosque  

Ou o site oficial da fundação https://funbosque.belem.pa.gov.br/

E se quiser contatá-los diretamente, pode escrever para o professor Dr. Jader Gama em jader.gama@funbosque.pmb.pa.gov.br ou jadergama@ufpa.br 

Twitter: @ogama

Back to the Blog